Reflexões Pessoais

Para quem tenta, para quem peita, para quem vai.

A vida de quem inventa de voar é paradoxal, todo dia. É o peito eternamente divido. É chorar porque queria estar lá, sem deixar de querer estar aqui.

Anúncios